sexta-feira, 6 de junho de 2008

Oduns


Segundo as lendas do Candomblé africano, os Odus representam os destinos criados por Olorum, com todas as características da vida cotidiana e baseados no comportamento e temperamento humano. Então os Odus, seriam os arquétipos do destino que regem cada Orixá, que por sua vez, regem cada homem sobre a terra.

São 16 os Odus principais, e as combinações entre eles geram 256 combinações mais específicas.

1 - OKANRAN MEJI - a disciplina e teimosia
Regente: Exu
Elemento: Fogo
Pessoas com esse ODU são inteligentes, versáteis e passionais, com enorme potencial para a magia. Seu temperamento explosivo faz com que raras vezes atuem com a razão. Têm sorte nos negócios. No amor, extremamente sedutoras, são muito inconstantes e mentem com facilidade. As mulheres têm como ponto vulnerável o útero.

2 - EJIOKO MEJI - a incerteza e a indecisão
Regente: Ogum com influências dos Ibejis e de Obatalá
Elemento: Ar
Pessoas com esse Odu são intuitivas, joviais, sinceras e honestas. Revelam grande combatividade, mas não sabem conviver com derrota. Apesar de volúveis no amor, são muito ciumentas. Devem controlar obstinação e ter cuidado com a vesícula e com o fígado, seus pontos vulneráveis.

3 - ETAOGUNDÁ MEJI - a perseverança e a obstinação
Regente: Obaluaê com influência de Ogum
Elemento: Terra
Pessoas com esse ODU em geral vêem seus esforços recompensados. Costumam vencer na política e conseguem obter grandes lucros nos negócios, particularmente nas atividades agrícolas, mas podem sofrer desilusões no amor e traições dos amigos. Emocionalmente inconstantes, estão propensas a ter problemas espirituais e físicos, embora na maioria dos casos consigam se recuperar com facilidade de qualquer doença. Seus pontos vulneráveis são os rins, as pernas e os braços.

4 - IROSSUN MEJI - a tranqüilidade
Regente: Oxossi com influência de Xangô, Iemanjá, Iansã e Egum.
Elemento: Terra
Pessoas com esse ODU são generosas, sinceras, sensíveis, intuitivas e místicas. Têm grande habilidade manual e podem alcançar sucesso na área de vendas. Entre os aspectos negativos estão a tendência a sofrer traições amorosas e a propensão a acidentes. Muitas vezes são vítimas de calúnias e da perseguição dos seus inimigos. Também precisam cuidar da alimentação, pois seu ponto vulnerável é o estomago.

5 - OXÊ MEJI - a fama
Regente: Oxum com influências de Iemanjá e Omulu
Elemento: Água
Pessoas com esse ODU têm mão de magia, força e proteção espirituais, religiosidade e uma inclinação especial para o misticismo e as ciências ocultas. São ótimos professores e se destacam em qualquer atividade que exija liderança, mas precisam aprender a controlar sua vaidade e seu egocentrismo. Outro aspecto negativo é a tendência a se vingar quando estão com raiva. Seus pontos vulneráveis são o aparelho digestivo e o sistema hormonal.

6 - OBARÁ MEJI - a riqueza e o brilho
Regente: Xangô com influências de Exu, Iansã, Oxossi. Oçanhe e Logunedê
Elemento: Fogo
Pessoas com esse ODU têm grande proteção espiritual e costumam vencer pela força de vontade, especialmente em profissões relacionadas à Justiça. Mas são com freqüência vítimas de calúnias e não têm sorte no amor. Devem aprender a silenciar sobre seus projetos e a determinar por onde começá-los. Seu ponto vulnerável é o sistema linfático.

7 - ODI MEJI - o rancor e a violência
Regente: Obaluaê com influências de Exu, Oxalufam e Oxumarê.
Elemento: Terra
Pessoas com esse ODU são ambiciosas e costumam ser bem sucedidas na sua profissão, mas a indecisão as leva a não concluir muito dos seus projetos. Quando a fé as impulsiona, porém, ultrapassam todas as barreiras. Sonham com o poder e adoram se divertir, às vezes, provocam enormes confusões. Não têm sorte no amor. Seus pontos vulneráveis são os rins, a coluna e as pernas.

8 - EJONILÊ MEJI - a impaciência e a agitação
Regente: Oxaguiã com influências de Xangô, Oxum e Oxossi.
Elemento: Ar
Pessoas com esse ODU são dedicadas e honestas e levam uma vida quase sem sofrimentos. Mas estão sujeitas a acidentes graves. Amam com intensidade e têm amizades sinceras. Quando são repudiadas ou sofrem uma traição, podem se tornar vingativas. Devem evitar o consumo de álcool e de carne vermelha e se vestir de branco nas sextas-feiras. Seu ponto vulnerável é o sistema nervoso central.

9 - OSSÁ MEJI - a desconcentração
Regente: Iemanjá com influências de Xangô, Oçanhe, Oxossi e Iansã.
Elemento: Água
Pessoas com esse ODU são líderes natas, mas seu autoritarismo lhes cria sérios problemas, inclusive conjugais. O instinto protetor e a religiosidade também as caracterizam. Seus pontos vulneráveis são os conflitos psicológicos e, no caso das mulheres, os problemas ginecológicos.

10 - OFUN MEJI - os problemas de saúde
Regente: Oxalufam com influências de Xangô e Oxum
Elemento: Ar
Pessoas com esse ODU são inteligentes, fiéis e honestas, capazes de dedicar atenção total ao seu amor. Têm amigos sinceros e elevada espiritualidade. Em contrapartida, mostram-se muito teimosas e tendem a sofrer perseguições e desilusões amorosas. Seus pontos vulneráveis são o estomago e a pressão arterial.

11 - OWRYN MEJI - a ansiedade
Regente: Iansã com influências de Exu, Oçanhe e Egum.
Elemento: Fogo
Pessoas com esse ODU têm imaginação fértil, boa saúde e vida longa, mas as más influências e a falta de fé as levam a enfrentar dificuldades materiais e a só alcançar o sucesso depois de grandes sacrifícios. São muito volúveis no amor. As mulheres geralmente fracassam no primeiro casamento, mas acabam encontrando a felicidade. Devem evitar a bebida e outros vícios. Seus pontos vulneráveis são a garganta, o sistema reprodutor e o aparelho digestivo.

12 - EJI-LAXEBARÁ - a justiça e o discernimento
Regente: Xangô com influências de Logunedê e Iemanjá
Elemento: Fogo
Pessoas com esse ODU têm o dom de convencer os outros. Dotadas de grandes qualidades espirituais, são bondosas, justas e prestativas, embora às vezes se mostrem arrogantes. Apaixonam-se com facilidade e são muito ciumentas. Devem evitar bebida e podem ter problemas judiciais ou relacionados à perda de bens. Seu ponto vulnerável é a circulação sanguínea.

13 - EJIOLIGIBAN MEJI - a tranqüilidade e a concentração
Regente: Nanã com influência de Obaluaê
Elemento: Terra
Pessoas com esse ODU aceitam com resignação os sofrimentos físicos, emocionais e espirituais, conscientes de que todas as situações da vida são transitórias. Além disso, sua profunda fé termina por lhes assegurar vitória. Não têm muita sorte no amor. Dotadas de mão de cura, se destacam nos serviços médicos e de assistência psicológica e nas terapias alternativas. Seus pontos vulneráveis são o baço e o pâncreas.

14 - IKÁ MEJI - o conhecimento e a sabedoria
Regente: Oxumarê com influências de Oçanhe e Nanã
Elemento: Água
Belas e sensuais, as pessoas com esse ODU têm aparência juvenil e forte poder de sedução. Vivem paixões arrebatadoras, mas passageiras e estão sempre em busca de novos amores. Possuem talento para a magia e enorme força espiritual, que se manifesta através do olhar. Enriquecem com facilidade e se destacam na vida profissional e social, mas são desconfiadas e propensas a ter conflitos psíquicos. Seu ponto vulnerável são as articulações que podem lhes causar problemas de locomoção.

15 - OGBEOGUNDÁ MEJI - o discernimento total
Regente: Oba com influências de Eua
Elemento: Água
Pessoas com esse ODU são valorosas, combativas e imparciais, mas costuma sofrer desilusões amorosas, o que acentua sua agressividade e seu sentimento de rejeição. Têm saúde frágil: estão sujeitas a problemas nos olhos, ouvidos e pernas e a distúrbios do sistema neurovegetativo.

16 - ALÁFIA ONAN - a paz
Regente: Ifá
Elemento: Ar
Calmas, racionais e espiritualizadas, as pessoas com esse ODU têm domínio sobre suas paixões. São excelentes nas áreas de vendas e de artesanato, mas desistem facilmente dos seus projetos e perdem o interesse por aquilo que já conquistaram. Estão sujeitas a problemas cardiovasculares, psíquicos e de visão.

Os Odus e os Elementos:

Terra
Irosun, Egi Laxeborá, Iká Ori e Obará.
Representam o caminho da tranqüilidade e da riqueza.

Água
Egi Okô, Ossá, Egi Ologbon e Oxé.
Representam o caminho da dúvida ao triunfo.

Ar
Onilé, Ofun, Obé Ogundá e Aláfia.
Representam o caminho da indecisão até a paz.

Fogo
Okaran, Odi, Owanrin e Eta Ogundá.
Representam o caminho da insubordinação até a guerra.

Pequena Lenda de Ifá:
Diz-se que, nos primórdios dos tempos, não existia separação entre o céu e a terra (Orum-Aiyé) e que havia uma convivência íntima entre os orixás e os seres humanos; todos podiam ir ao Orum e voltar quando desejassem. Porém certo dia, o homem desonrou seu compromisso com Olorum, pecou contra o supremo ao tocar o que não podia ser tocado ou comer o que não podia ser comido. E assim, o mesmo dividiu o céu e a terra. O privilégio da livre comunicação desapareceu em troca das diferentes formas oraculares estabelecidas e legadas por Orunmilá. Odus (signos de ifã), são presságios, destinos, predestinação. Os Odus são inteligências siderais que participaram da criação do universo; cada pessoa traz um Odu de origem e cada orixá é governado por um ou mais Odus. Cada Odu possui um nome e características próprias e dividem-se em “caminhos” denominados “Ese” onde está atado a um sem-número de mitos conhecidos como itàn ifá.

Para Saber Mais:
PRANDI,
Reginaldo - Ifá, o Advinho. Companhia das Letras
ONIDAJO, Omiran - Leitura da sorte na Umbanda e no Candomblé. PallasEditora
PRANDI, Reginaldo - Café Filosófico - Agir pela advinhação: O Jogo de Ifá. Log On/Culturamarcas

5 comentários:

Eduardo disse...

Gostei muito desse texto...
Vc poderia falar tambbém sobre a hierarquia no Candomblé...todos os cargos, funções, nomes etc.
Seu blog está ótimo...
abraço...Edu

maga moraes disse...

parabens por trazer averdade e o conhecimento correto sobre nossa religiao. ah se todos fossem como vc

Anônimo disse...

Adorei a materia , mas gostaria que me tirasse uma dúvida quando vamos alimentar o Odun da cabeça do consulente temos que alimentar as influencias por ex: Odun 10 ( Ofun meji Oxalufan com influencia em Xango e Oxum), seria desta forma ou só alimentando o Oxalufan ja seria o correto,por favor me tire esta dúvida, desde ja agradeço

Anônimo disse...

Olá!
Somos da revista Stilo Afro do Brasil, lemos sua matéria de Odus e gostaríamos muito de publicá-la.
Se possível, entre em contato conosco pelo e-mail:
luanabarbosa@stiloafrodobrasil.com.br

Abraços!

Anônimo disse...

Boa noite gostei muito mais tenho uma duvida como sabemos qual e o Odun de uma pessoa contamos as letras do nome da pessoa e somamos umas as outras e mais a data de seu aniversario me tire essa duvida desde já muito obrigado.